antecipar possíveis imprevistos no coworking

Como antecipar possíveis imprevistos no coworking: reservas do BeerOrCoffee

coworkingHospitalidade

Antecipar possíveis imprevistos no coworking é o mesmo que fazer manutenções, seguir as regras, ter ótima comunicação com os clientes e SEMPRE confirmar as reservas. Nós temos mais dicas no post. Siga em frente!

Alguma vez você ficou sem saber como lidar com os comentários negativos dos seus clientes? Por mais que o objetivo seja fazer tudo para agradar, é bem difícil atingir esse patamar. Mas existem alternativas para evitar situações desagradáveis. Basta antecipar possíveis imprevistos no coworking.

Nem sempre a tarefa é fácil, afinal, alguns desafios surgem ao acaso. Além disso, de que forma saber o que seus usuários querem sempre? É impossível adivinhar tudo, mas algumas situações que parecem imprevistos são bem comuns. E existem práticas e detalhes que todo cliente adora.

Neste artigo, apresentamos algumas dicas úteis para você se antecipar aos possíveis imprevistos do coworking. Confira!

antecipar possíveis imprevistos no coworking

Faça manutenções rotineiras

Vários problemas podem acontecer em um coworking. As possibilidades mais comuns são:

  • Quebra de cadeiras e mesas;
  • Rompimento de tubulações;
  • Vazamentos e infiltrações;
  • Queda de energia elétrica;
  • Mau funcionamento de ventiladores e ares-condicionados;
  • Baixa iluminação natural devido à falta de limpeza das clarabóias.

Essas são situações para as quais você pode se preparar. Nossa primeira dica é que você crie um checklist de manutenção. Faça revisões mensais e esteja aberto para receber o feedback de clientes. 

Além disso, peça à equipe para ficar atenta a situações que exigem correção. Muitas vezes, é possível identificar que uma cadeira vai quebrar e precisa ser substituída antes de um acidente.

Outra ideia é criar uma equipe de apoio. Ou seja, tenha pessoas disponíveis para fazer os ajustes sempre que necessário. Vale a pena ter na agenda o contato de alguns profissionais, como encanadores, eletricistas, marceneiros e faxineiros. Assim, você garante agilidade na solução de eventuais problemas.

Disponibilize as regras do coworking

Todo espaço tem regras! Elas também são importantes no coworking onde as áreas são compartilhadas. Isso evita conflitos entre os usuários do escritório flexível. Portanto, também é uma forma de antecipar possíveis imprevistos no coworking.

Crie uma lista ou um documento simples com todas as regras que precisam ser seguidas. Por exemplo:

  • Horário de funcionamento;
  • Regras das áreas comuns;
  • Boas práticas, como cada um lava a sua louça;
  • Possíveis proibições, como conversas em voz alta — aproveite para indicar se existe um espaço apropriado para isso.

E lembre-se de destacar o que é community manager. Assim, o cliente sabe quem procurar para ter uma boa experiência no coworking.

Indique o que precisa ser feito para entrar no coworking

Muitos escritórios compartilhados registram problemas na entrada dos usuários. Isso ocorre por diversos fatores, como a falta de comprovação de reserva, ou o não cumprimento das regras.

Por isso, deixe claro tudo que é necessário para entrar no ambiente. Em especial, especifique que é necessário fazer a reserva no BeerOrCoffee. Muitas vezes, um nômade digital não sabe que o cadastro na plataforma é indispensável. Outras pessoas podem saber dessa informação, mas esquecer de comprová-la.

De qualquer forma, cabe a você indicar o que deve ser feito. Inclusive, essas informações devem estar na lista de regras. Assim, possíveis imprevistos no coworking serão antecipados.

Tenha empatia para ouvir os feedbacks

Mesmo com o cadastro na plataforma do BeerOrCoffee, os usuários podem trazer um feedback negativo. Isso porque nem todos os coworkings funcionam da mesma forma. Aqui, vale a pena pensar em regras para facilitar a vida dos usuários. Entre elas:

  • Iluminar a área externa para aumentar a segurança de quem entra e sai no período noturno;
  • Solicitar informações antecipadas para evitar imprevistos no coworking;
  • Confirmar a reserva para evitar que o espaço fique desocupado quando a pessoa deixa de comparecer. Assim, você libera o ambiente para outra reserva;
  • Confirmar a área que será ocupada pelo cliente. Por exemplo, se é uma sala de reunião, uma sala privativa, um espaço built to suit;
  • Garantir as regras de higienização. Isso aumenta a segurança do usuário, especialmente no período pós-pandemia.

Não prometa o que não pode cumprir

A regra número 1 da hospitalidade é a sinceridade. O cliente precisa saber o que o espera no coworking. Caso contrário, acabará se decepcionando e, dificilmente, voltará a fazer uma reserva no espaço.

Uma forma de antecipar possíveis imprevistos no coworking é colocar apenas o que é verdade na descrição da plataforma do BeerOrCoffee. Por exemplo, nunca coloque que tem uma sala de reunião, se o espaço não for projetado para isso. Improvisar para contornar a carência de uma sala de reunião pode frustrar o usuário, afinal, esse ambiente requer alguns critérios de qualidade.

A mesma regra vale para as áreas comuns. Tem um espaço de descompressão para as pessoas se desconectarem do trabalho? Ótimo! Mas não iluda ninguém com falsas promessas. A verdade deve reinar em todas as situações, inclusive em relação à estrutura.

antecipar possíveis imprevistos no coworking

Privilegie a comunicação

Comunique-se antes, durante e depois da reserva do BeerOrCoffee com o cliente. Pergunte se ele tem alguma dúvida e colha suas expectativas. Coloque-se à disposição para resolver possíveis problemas. No fim, pergunte o que ele achou da experiência.

Se algum imprevisto ocorrer, verifique a possibilidade de solução imediata. Caso não tenha, informe o que está fazendo para ajudar.

Se o problema for perto do horário da reserva, informe o cliente e pergunte se ele quer adiar a chegada, comparecer outro dia ou o que prefere fazer. Isso, certamente, vai satisfazê-lo.

Conte com o time de Supply do BeerOrCoffee

Manter os clientes satisfeitos exige uma série de cuidados. Para todos eles, você pode contar com o time de Supply do BeerOrCoffee. A equipe está sempre disponível para ajudar com qualquer problema relativo às reservas.

Por exemplo, o cliente jura que reservou, mas não aparece no sistema. Você pode entrar em contato com o time de Supply. Ou então o usuário fez uma reserva regular, mas queria uma sala de reunião. O Supply também pode ajudar.

Em paralelo, você deve pedir para o cliente entrar em contato com o BeerOrCoffe pelo Chatbot. Assim, seu problema será solucionado o mais rápido possível e com o máximo de eficiência.

De toda forma, ficou claro que você tem a chance de antecipar possíveis imprevistos no coworking para aumentar a satisfação do cliente e evitar comentários negativos. Que tal seguir as dicas que preparamos para ter mais reservas no BeerOrCoffee?

Gostou das ideias e quer fazer ainda mais? Aproveite e saiba o que fazer para preparar seu coworking para reserva de DayPass.


Texto escrito por Fabíola Thibes, jornalista e redatora web. Revisado por Nícolas David, Repórter, Jornalista e Revisor. 

tendências para coworkings em 2022

Principais tendências para coworkings em 2022

coworkingFuturo do Trabalho

As tendências para coworkings em 2022 são voltadas para a adaptação no pós-pandemia. O retorno das pessoas às cidades menores, a sustentabilidade e o investimento em comunidade são algumas das dicas para se destacar. Entenda mais.

Você já considerou quais são as tendências para coworkings em 2022? Com características específicas, esses negócios estão cada vez mais em alta. Até mesmo porque o trabalho híbrido e remoto fortalece essa alternativa. Por isso, é fundamental se destacar. Afinal, conhecer as perspectivas para o próximo ano é uma forma de conquistar vantagem competitiva.

A ideia é simples: você cuida dos detalhes atenciosos que os clientes adoram e tem uma chance maior de atrair e reter clientes. Parece fácil, mas a verdade é que exige conhecimento. Isso porque o mercado está mais concorrido a cada dia.

Para você ter uma ideia, um estudo global mostrou que o segmento de coworking está em uma trajetória crescente. O faturamento total deverá ultrapassar 13,03 bilhões de dólares até 2025. Isso representa uma alta de 12%.

No Brasil, houve uma queda de faturamento significativa no primeiro semestre de 2020. No entanto, já no mês de julho do mesmo ano, começou a se perceber um movimento de recuperação equivalente a 70%. Além disso, é importante destacar que 90% das pessoas ficam mais confiantes quando trabalham em um escritório compartilhado.

Todos esses dados deixam claro que existe espaço no mercado, ainda que ele seja competitivo. Cabe ao gestor encontrar as principais tendências para coworkings em 2022, aplicá-las e se destacar.

Que tal colocar a mão na massa? Veja as dicas que preparamos para você aplicar no seu trabalho como community manager!

tendências para coworkings em 2022

Investimento na comunidade

O foco dos coworkings é oferecer um espaço confortável e com toda a infraestrutura para trabalhar. Mas, vamos combinar, essas características não são diferenciais. Para se destacar, uma das tendências para 2022 é fortalecer a comunidade.

Isso pode ser feito por meio de eventos voltados para a educação e o bem-estar. Essa é uma forma de levantar a moral de todos e alinhar interesses. Além disso, contribui para a interação entre todos.

Dessa forma, há menos possibilidade de você precisar saber como lidar com comentários negativos. Isso porque as pessoas que comparecem ao seu coworking tendem a ser sempre as mesmas. Ou seja, há um grande potencial de fidelização.

Mais do que isso, os usuários começam a construir relacionamentos e a colaborarem uns com os outros. Isso traz uma relevância maior para o coworking, que deixa de ser um local para trabalhar para se tornar um espaço de apoio, compartilhamento de experiências e fortalecimento das relações.

Fortalecimento do coworking corporativo

O escritório flexível pode ser usado por qualquer pessoa, mas uma das tendências para os coworkings em 2022 é o fortalecimento da utilização por parte das empresas. Apesar desse movimento já existir desde antes da pandemia, vem se fortalecendo para reduzir os custos com infraestrutura.

Além disso, oferecer essa opção também é uma estratégia para encontrar talentos em qualquer lugar do mundo — inclusive, os chamados nômades digitais. Ainda existem outros motivos pelos quais os gestores vão optar pelos coworkings:

  • Descentralização do espaço do escritório;
  • Suporte aos trabalhadores que preferem trabalhar mais perto de casa;
  • Redução dos contratos imobiliários de longo prazo;
  • Suporte aos colaboradores que preferem continuar trabalhando 100% do tempo no regime remoto.

Ou seja, o objetivo das empresas é reduzir custos e atrair talentos. Daí surgem vários outros benefícios, como a retenção de colaboradores e o aumento da flexibilidade e da agilidade dos processos. Por isso, ´é importante adotar estratégias para aproveitar essa tendência.

Como? Algumas alternativas são:

  • Ofereça salas privativas e de reunião;
  • Estabeleça contratos de curto e longo prazo;
  • Personalize o espaço de trabalho, por exemplo, pelo modelo built to suit;
  • Ofereça um escritório flexível para abranger as demandas do trabalho híbrido.

Foco na saúde

A pandemia permitiu que as pessoas ficassem em casa para protegerem sua saúde. No entanto, muitos colaboradores acabaram tendo problemas com ansiedade, fadiga excessiva e até síndrome de burnout. Tanto é que 576 mil brasileiros pediram afastamento do trabalho devido a transtornos mentais e comportamentais em 2020.

Para as empresas, esse cenário representa queda de produtividade e aumento de custos. Por isso, uma das tendências para os coworkings em 2022 é o foco na saúde dos colaboradores. Essa está sendo a postura adotada pelas empresas. Pelo menos, 33% delas têm interesse em implementar medidas para aumentar a qualidade de vida e o bem-estar dos seus profissionais.

Inclusive, até 2023, 78% das companhias pretendem personalizar estratégias de saúde de acordo com as necessidades dos colaboradores em diferentes períodos da vida.

Essas medidas resultam em benefícios financeiros para o negócio. Em evento realizado em 2021, o diretor da Mondelez Brasil, Jorge Morato, relatou que o retorno pode ser três vezes maior quando há investimentos na saúde e no bem-estar dos colaboradores.

Como isso impacta os coworkings? Existe uma relação clara com o aumento do faturamento nesse tipo de negócio. Porém, isso só é verificado por aqueles que adotam as boas práticas. Veja quais são elas:

  • Adoção de medidas de higiene e protocolos sanitários, a fim de oferecer a experiência de trabalho mais segura possível;
  • Uso de móveis e cadeiras ergonômicos, que tragam conforto para o período em que os usuários ficarem no escritório flexível;
  • Inclusão de aulas fitness ou de um espaço/parceria com academia para incentivar os clientes a fazerem atividades físicas.
tendências para coworkings em 2022

Mudança para cidades menores

No começo, os coworkings apareceram nos grandes centros urbanos, especialmente São Paulo e Rio de Janeiro. Com a pandemia e o estabelecimento do trabalho remoto, aumentou a preferência por cidades menores. Por isso, os escritórios flexíveis precisam se adaptar.

Acha que essa informação está errada? Saiba que 25% dos brasileiros se mudaram para cidades menores, conforme uma pesquisa da consultoria Talenses. O motivo foi a busca por qualidade de vida, já que esses profissionais estavam em grandes cidades apenas devido às oportunidades de carreira.

Dentro desse cenário, os escritórios flexíveis em cidades de médio porte tendem a ganhar espaço. Eles representam uma forma do colaborador ainda trabalhar em um espaço apropriado, sem se preocupar com o tempo de deslocamento.

Além dessa ampliação de locais, os coworkings também têm a oportunidade de se cadastrar em plataformas com soluções de assinatura. Assim, uma mesma empresa pode ter colaboradores em vários locais do Brasil e você, como gestor, continuará tendo o retorno esperado.

Sustentabilidade

A última das principais tendências para coworkings em 2022 é o “pensar verde”. Implementar ações sustentáveis ajuda a atrair pessoas comprometidas com o meio ambiente, além de mostrar que a sua empresa é responsável.

Se nenhuma dessas iniciativas é adotada no seu escritório flexível, comece com a reciclagem e redução de uso dos plásticos. Por exemplo, que tal oferecer canecas para os usuários do espaço? Ou incentivar que todos tragam os seus próprios copos, talheres etc.?

Conforme a sua capacidade aumenta, aproveite para usar a energia dos painéis solares, deixe a iluminação natural agir no ambiente, coloque plantas na decoração e mais. Essas ações são simples, mas fazem toda a diferença.

Como você pôde perceber, as tendências para coworkings em 2022 são simples de serem aplicadas e estão condizentes com as mudanças causadas pela pandemia. Adotá-las é uma forma de ganhar competitividade e fazer o seu escritório flexível se destacar da concorrência.

Quer ver outras formas de atrair e reter mais clientes? Saiba o que fazer para preparar seu coworking para reserva de DayPass.


Texto escrito por Fabíola Thibes, jornalista e redatora web.